Abombwe

Ir em baixo

Abombwe

Mensagem  Papa Zulu em Seg Jan 21, 2013 8:36 pm

A Besta, para os Laibon, não é tão temida quanto para os vampiros europeus. Os Laibon são menos cientes dessas coisas de pecados e culpabilidade, e por isso são mais receptivos aos desejos de suas Bestas interiores. Os vampiros europeus poderiam aprender muito ao lado das Esfinges; pois eles demonstram um controle admirável sobre suas Bestas - um controle que é obtido através de duras experiências e a comunhão com sua Besta. A Disciplina Abombwe é diferente de qualquer outra que exista. Pois ela dá ao vampiro o controle direto da Besta Interior - a sua e a dos outros. Correm rumores de que os misteriosos vampiros de Cathayan do extremo Oriente têm poderes similares ao desta disciplina (mais informações em Kindred of the East). Se eles é que instruíram os Laibon ou vice-versa é uma incógnita, muitos acreditam ser uma mera coincidência.

Nivel 1:COMUNHÃO COM O PREDADOR

O Laibon pode comungar com sua Besta. Neste nível, ele pode utilizar do juízo místico da Besta e até manter um elo psíquico com ela, lhe permitindo descobrir outras Bestas por perto.

Sistema: O jogador deve gastar um Ponto de Sangue (dois, por causa da fraqueza deles). Depois o Laibon poderá sentir os efeitos místicos de outras Bestas nas redondezas (outros vampiros, Licantropos, Fantasmas e Espíritos, animais predadores, e humanos com Humanidade igual ou menor que 3). Para definir a natureza da criatura, o Laibon pode cheirar a Besta dela com um teste de Percepção + Sobrevivência (dificuldade 6; que pode variar se a Besta for mais fraca ou mais forte). O poder permanece ativo por uma cena.

Nivel 2:COMPREENSÃO DA BESTA

O Laibon pode fazer um acordo com sua Besta. Se conseguir, a Besta lhe concede toda sua força por um breve período de tempo. Esta é uma atividade perigosa, pois a Besta freqüentemente utiliza-se de todas as possibilidades para se manifestar.

Sistema: O Laibon deve se concentrar por um turno inteiro, depois deve rolar Força de Vontade (dificuldade 8 ). Cada sucesso lhe concede um dado extra nas ações físicas (pulos, socos, etc.) - mas o Laibon deve retribuir isto entrando em frenesi.

Nivel 3:ASSOVIANDO À BESTA

O Laibon aprende as "canções" que bajulam e assustam a Besta Interior.

Sistema: O Laibon deve assobiar durante um turno inteiro, e rolar Manipulação + Música (dificuldade 7). Se obtiver sucesso, o alvo deverá fazer um teste de Coragem (dificuldade 7; a vítima deverá igualar ou bater os sucessos do Laibon). Até mesmo se a vítima obtiver sucesso, ela ficará um pouco nervosa (todas as dificuldades para frenesi e Rotschreck são reduzidas em um, e um dado é perdido na sua Parada de Dados, nas ações contra o Laibon). Se a vítima falhar, ela tem que sair do local durante a cena - não precisa ser uma retirada desesperada, mas sim como a retirada cautelosa de um animal que percebeu um inimigo superior. Alternativamente, o Laibon pode assoviar sua própria Besta; um teste próspero manda o Laibon direto ao frenesi (negando assim todas as penalidades de ferimento).

Nivel 4:CANALIZAR A BESTA

O Laibon pode prender a Besta em partes de seu corpo. Dependendo de qual parte do corpo o Laibon "investir" com sua Besta, ele pode ganhar uma variedade de poderes.

Sistema: Dois pontos de Sangue devem ser gastos (três, por causa da fraqueza). Todas as dificuldade para evitar o frenesi são aumentadas em um, porque a Besta está muito perto de se manifestar. Na verdade a Besta se manifesta em determinada parte do corpo do Laibon (conforme ele a orientar) na forma de veios negros e sangue coagulado, os quais afetam diretamente esta parte do corpo. Somente um poder pode ser usado por vez. Os poderes obtidos por um Laibon que usa este nível incluem:

MÃOS: Os socos do Laibon infligem dano agravado. O poder dura uma cena inteira.

CORPO: Todo o gasto de sangue para aumentar os Atributos Físicos é considerado duplamente eficiente. Se ele gastar um ponto para aumentar Força, este atributo aumenta em dois (pois é duplamente eficiente). O poder dura uma cena e não vale para cura.

GARGANTA: O Laibon pode rugir. Os humanos fogem a menos que sejam bem sucedidos num teste de Coragem (dificuldade 9). Seres sobrenaturais tem de serem bem sucedidos num teste de Coragem (dificuldade 8 ) ou ficarão aterrorizados (todas as suas Paradas de Dados são jogadas pela metade). Este efeito dura uma cena.

PÉS: Chutes agora infligem dano agravado. Também dura uma cena. O Laibon pode machucar o espírito da terra com seus passos. Eles reagirão com uma onda de choque que afeta tudo numa área de aproximadamente 30 metros. Aqueles que estiverem dentro desta área (inclusive o Laibon) devem rolar Destreza + Esportes para permanecerem de pé (dificuldade 5 para o Laibon, para as vítimas que já esperavam isto é 6, e 8 se foi uma surpresa). Os tremores continuam se o Laibon continuar andando. Alguns Laibon dizem que membros mais velhos da linhagem usam variantes deste poder para criar efeitos aterrorizadores até para eles mesmos.

Nivel 5:TOMAR A PELE

Matando uma criatura e se encharcando em seu sangue, o Laibon captura a Besta da criatura e pode tomar sua forma. Isto permite que o Laibon se transforme na criatura que acabou de matar.

Sistema: O Laibon deve cobrir seu corpo com o sangue da criatura e convidar o espírito da criatura (Carisma + Ocultismo, dificuldade 7). Se for bem sucedido, deve fazer um teste de frenesi. A criatura em questão deve ter, ao menos um pouco de sangue (deve ser maior que um morcego e menor que um grande pássaro grande) e deve ser um animal predador ou ovíparo (nada de elefantes ou rinocerontes); o sangue da criatura deve estar fresco. Quando bem sucedido, o Laibon assume todas as características físicas da criatura (assim sendo, um Laibon que se transforme num Abutre poderá voar, e quando se transformar num leopardo ele terá garras e velocidade bem ampliada). Este poder também funciona com humanos e criaturas sobrenaturais, entretanto as mudanças são apenas físicas e de aparência (nada de Disciplinas, Núminas e outros poderes). A transformação durará até o amanhecer ou até que a pele da criatura em questão seja levada para o refúgio do Laibon.

Nivel 6:DOMÍNIO DO PREDADOR

O Laibon pode agora confrontar qualquer outra criatura que possua uma Besta (todas aquelas que podem ser detectadas com o nível 1). Ele poderá tentar usar a sua Besta para dominar a do oponente, se próspero, a "Besta conquistada" deve obedecer cegamente o Laibon dominante.

Sistema: Role Manipulação + Coragem (dificuldade 5 se a vítima é menos poderosa que o Laibon, 6 se os poderes se eqüivalem, e 8 se de maior poder; animais são tipicamente menos poderosos, com raras exceções). Se o teste for bem sucedido, o instinto bestial da criatura obedecerá o Laibon. Isto não transforma a criatura em questão num vassalo por completo, mas ela serve o Laibon e é totalmente submissa. A criatura dominada também não nutre nenhum tipo de afeto pelo Laibon, mas está com muito medo para agir contra ele. A servidão acaba quando o Laibon deixa de vigiar a vítima. Um fracasso põe o Laibon em Rötschreck.
avatar
Papa Zulu

Mensagens : 163
Data de inscrição : 23/12/2012
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum