A Trilha da Noite

Ir em baixo

A Trilha da Noite

Mensagem  Papa Zulu em Sab Jan 19, 2013 1:55 pm

Apelido: Niilistas

Crenças Básicas: Os vampiros que seguem a Trilha da Noite aceitam sua danação por completo; na verdade, eles acreditam que, como vampiros, é seu papel e sua predestinação, atuarem como agentes da danação. A não-vida sem a dor não é nada e a desgraça gosta de companhia. Esta Trilha é largamente praticada pelos vampiros jovens do Clã Lasombra, que mortificam suas próprias almas alegremente no interesse de encher o mundo com atrocidades.

A Trilha da Noite extrai seus fundamentos dos dogmas católicos, embora ela se preocupe mais com o abandono e a danação do que com a redenção. De acordo com essa Trilha, o objetivo da não-vida de um vampiro é flagelar a Terra, atuar como um agente do mal e, assim, em última análise, cumprir as ordens dos poderes superiores que ditam o bem e o mal. Ninguém vive sem o pecado original, e aqueles que seguem essa Trilha têm a obrigação de expor e exacerbar aquele pecado. A vida e a não-vida são estados alternados da danação; aqueles que falham em realizar seu potencial pleno são ovelhas desgarradas, que só servem para serem massacradas.

Esta é uma das Trilhas mais terríveis que existem, já que ela se dedica a promover o desalento total e intencional nos outros. Seus seguidores, porém, são mais do que meros sádicos ou rufiões, já que são sinceros em suas crenças. Qualquer um que receba a maldição de Caim está comprometido, por destino e pelo dever, a descarregar a vingança sobre os Filhos de Seth. Ao faze-Io, os vampiros desta Trilha esperam que, ao cumprirem os papéis a eles destinados, eles sejam capazes de transcendê-los e encontrar a paz. Independentemente desse objetivo principal, porém, a Trilha da Noite é uma Trilha da hostilidade e do antagonismo e é difícil de suportar a companhia daqueles que a seguem.

Para muitos Membros essa também é uma Trilha desesperada, mas é acessível a vampiros que odeiam a si mesmos, que buscam um sentido nas noites finais da Gehenna que se aproxima.

A ETICA DA TRILHA

• Não deixar nenhum ser intocado por sua mácula.

• Incitar o terror nos que o cercam; os fracos cairão e os fortes serão enrijecidos por sua provocação.

• Inspirar os outros a aceitarem sua escuridão interna.

• Experimentar todas as sensações imagináveis.

• A morte é um meio, não um fim.

• Os Membros, sendo almas condenadas por Deus, cumprem seu objetivo caçando mortais.

VlRTUDES

Os vampiros da Trilha da Noite observam as virtudes da Convicção e do Instinto.

HISTÓRIA

Pouco, ou nada, foi realmente registrado sobre o início e a evolução dessa Trilha. Creditada ao crescimento dos cultos medievais à morte, a cabalas satânicas, a Matusaléns degradados ou às práticas sustentadas por Lilith, primeira esposa de Adão, e seus filhos, a Trilha da Noite foi desprezada pela maioria dos Membros a quem restasse qualquer senso de Humanidade. Alguns suspeitam que um grupo do clã Lasombra, conhecido como os Anjos Negros, fomenta a dissensão no clã, convertendo neófitos impressionáveis para os caminhos doentios desta Trilha.

PRÁTICAS ATUAIS

Nenhum pecado é vil o suficiente para satisfazer um seguidor desta Trilha e nenhuma fé é tão inabalável que não possa ser quebrada.

Os vampiros da Trilha da Noite vinculam sua sina aos mortais, que cercam com a violência de suas depredações. Como portadores da danação, os Niilistas escolhem os temores e as mágoas secretas dos humanos que os cercam e infligem esses terrores sobre o rebanho, conforme seus caprichos. Ironicamente, os vampiros desta Trilha com frequência têm grande respeito por aqueles que eles identificam como pessoas verdadeiramente "boas" ou "abençoadas". Na verdade, dizem que um Guardião infame, que infernizou uma família de caçadores de bruxas por três gerações e foi finalmente destruído por um descendente dessa linhagem, elogiou seu destruidor por sua determinação.

DESCRIÇÃO DOS SEGUIDORES

Esta Trilha é apoiada quase que exclusivamente pelos Lasombra, embora os Guardiões encontrem um ou outro convertido entre outros clãs. Os Lasombra que seguem essa Trilha recebem pouca consideração de outros Guardiões, já que nela não há lugar para a nobreza. Enquanto a maioria dos Lasombra mantém outros códigos de moralidade extraídos do Sabá, aqueles que seguem essa Trilha são os verdadeiros demônios da noite.

PARA SEGUIR ESTA TRILHA

Os vampiros da Trilha da Noite aterrorizam suas vítimas, um termo que pode ser aplicado a qualquer um a quem o Niilista seja atraído. Os Membros dessa Trilha detestam matar - isso elimina alvos em potencial, embora eles não deixem de fazê-lo se a morte causar grande sofrimento a outros, ou se ao evitá-la estariam prejudicando sua própria existência. Sob certos aspectos, os Niilistas ironicamente protegem o rebanho, mostrando-lhe o que os aguarda se não se mostrarem arrependidos. Entretanto, nenhum seguidor desta Trilha admitirá isso abertamente. Eles são demônios, pura e simplesmente.

Habilidades Comuns: Os Membros que seguem esta Trilha especializam-se em Habilidades que lhes permitam atormentar os outros. Briga, Intimidação, Armas Brancas e Medicina (pelo conhecimento da fisiologia) todas têm lugar garantido entre os Niilistas.

Disciplinas Preferidas: Os seguidores da Trilha da Noite cultivam a Tenebrosidade, pelo terror absoluto que ela inspira, bem como a Potência, pela dor que ela permite infligir.

HIERARQUIA DOS PECADOS DA TRILHA DA NOITE

Valor: 10
Orientação Moral: Matar um mortal para se alimentar.
Base Racional: Humanos mortos não sentem medo.

Valor: 9
Orientação Moral: Agir no interesse de outros.
Base Racional: Gehenna está próxima — não há tempo para se preocupar com bobagens.

Valor: 8
Orientação Moral: Falhar em ser inovador em suas depredações.
Base Racional: A familiaridade com as vilanias de alguém provoca desdém dos outros, e logo ele poderá falhar em causar choque.

Valor: 7
Orientação Moral: Pedir ajuda a alguém.
Base Racional: Quem não é capaz de agir por conta própria cumpre mal as suas metas.

Valor: 6
Orientação Moral: Matar acidentalmente.
Base Racional: Deus transformou os Membros em horrores, não em assassinos.

Valor: 5
Orientação Moral: Curvar-se à vontade de outro Membro.
Base Racional: Os jogos da Jyhad são uma distração do verdadeiro propósito dos Amaldiçoados.

Valor: 4
Orientação Moral: Matar intencionalmente ou arrebatadamente.
Base Racional: A morte não serve a ninguém; ela apenas priva alguém de uma vítima.

Valor: 3
Orientação Moral: Ajudar alguém.
Base Racional: Não há espaço para a compaixão no coração morto-vivo de um vampiro.

Valor: 2
Orientação Moral: Aceitar a superioridade de outrem.
Base Racional: Todos os vampiros são iguais perante os planos de Deus.

Valor: 1
Orientação Moral: Arrepender-se do próprio comportamento.
Base Racional: O objetivo dos vampiros é causar arrependimento, e não praticá-lo.
avatar
Papa Zulu

Mensagens : 163
Data de inscrição : 23/12/2012
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum